Os Grandes Comandos

Comandos Conjuntos

Com a ativação da Operação Covid-19, buscando atender às demandas de apoio aos órgãos de saúde e de segurança pública e mitigar os impactos à população brasileira causados pela pandemia da Covid-19, o Ministério da Defesa (MD) acionou a Marinha, o Exército e a Força Aérea para ficarem em condições de emprego em todo o território nacional, conforme previsto na Diretriz Ministerial N° 6/2020, de 18 de março de 2020.

Foram criados, assim, 10 Comandos Conjuntos, que planejarão o emprego coordenado e integrado dos meios de logística, de inteligência e de comunicações, em apoio aos órgãos de saúde e de segurança pública, além do Comando Aeroespacial, de funcionamento permanente, em apoio aos demais comandos.

Cada um desses “Comandos Conjuntos” estará em contato direto com o Estado-Maior das Forças Armadas, órgão subordinado ao MD, e deverá permanecer em condições de desempenhar as tarefas previstas na Diretriz Ministerial de Planejamento N° 06/2020, tais como:

- Apoio aos órgãos de segurança pública, no controle de acesso de fronteiras;
- Emprego de meios de Defesa Biológica, Nuclear, Química e Radiológica (DBNQR), para descontaminação de material;
- Apoio de logística, de inteligência e de comunicações;
- Ligação com os órgãos competentes pelas ações sanitárias; e
- Apoio à triagem de pessoas com suspeita de infecção para posterior encaminhamento aos hospitais.