Notícias

Técnicos de enfermagem do Exército apoiam vacinação contra a covid-19 em Curitiba #EBpreservandovidas

eb 4Crédito: 3º Sgt Coutinho

Curitiba (PR) – A 5ª Divisão de Exército e a 5ª Região Militar disponibilizaram 32 técnicos de enfermagem para ajudar a Secretaria de Saúde de Curitiba na vacinação contra a covid-19. Os militares começaram a atuar por escala na última quinta-feira, 1º de abril, no Pavilhão da Cura, no Parque Barigui.

Os 32 sargentos, incluindo os efetivos masculino e feminino, vêm, desde o início da pandemia, atuando no combate à covid-19 nas diversas organizações militares de Curitiba. Alguns deles já participaram de missões que beneficiaram milhares de brasileiros, venezuelanos e indígenas desde o ano passado, como as operações Acolhida e Xavante. A iniciativa alivia a sobrecarga no sistema de saúde do município, aumentando o número de profissionais na escala de atendimento à população.

Para entender a dinâmica de trabalho no maior espaço de imunização contra a covid-19, na capital paranaense, os profissionais da saúde do Exército receberam treinamento no dia 30 de março, no Centro de Eventos Positivo, conhecido como “Pavilhão da Cura”, no Parque Barigui. A finalidade do treinamento foi padronizar os procedimentos técnicos recomendados e de segurança para aplicação da vacina, abordagem com o cidadão, gerenciamento das doses e outros procedimentos adicionais.

“Queremos agradecer ao Exército pelos técnicos de enfermagem que compõem nossa equipe e que participam desse processo da vacinação”, disse a enfermeira e coordenadora do Centro Municipal de Vacinação, Lêda Albuquerque.

Estrutura
A estrutura do centro de vacinação contra a covid-19, em Curitiba, ocupa um espaço de 3 mil metros quadrados e recebe até 450 pessoas por hora. O horário de atendimento é das 8h às 20h. São 52 boxes destinados à vacinação com, pelo menos, dois profissionais da saúde em cada um deles, além do sistema de atendimento drive-thru.

Fonte: 5ª Divisão de Exército e 5ª Região Militar