Notícias

Marinha apoia Plano Nacional de Imunização do Governo Federal e abre o primeiro posto de vacinação no Rio de Janeiro

 
mb 42
O posto de vacinação do ECM foi inaugurado na última sexta-feira (23)

Em alinhamento à Campanha Nacional de Vacinação, seguindo as orientações contidas no Plano Nacional de Imunização, a Marinha, com a coordenação do Comando do 1º Distrito Naval (Com1ºDN), inaugurou seu primeiro posto de vacinação contra a Covid-19 no Rio de Janeiro, no dia 23 de abril, no Espaço Cultural da Marinha (ECM), Centro (RJ).
 
O funcionamento do posto ocorre de segunda a sábado, das 8h às 17h, e, para receber a vacina, a população deverá acompanhar o calendário oficial de vacinação estabelecido pela Prefeitura Municipal do Rio de Janeiro. O número de doses a serem aplicadas e os grupos previstos para o plano de vacinação serão estipulados pela Secretaria Municipal de Saúde do Rio de Janeiro.
 
A abertura do posto de vacinação reforça o vínculo com as ações do Ministério da Saúde no combate à pandemia do novo coronavírus e conta com o emprego de 80militares da Marinha, sendo que 63 deles atuam diretamente no ECM, além de duas viaturas administrativas.
 
Para a estrutura de Saúde, foram disponibilizados 18 militares técnicos de enfermagem, além de duas responsáveis técnicas, todos capacitados pelo executivo municipal no aspecto teórico, por meio de webconferência, e prático, por meio de treinamento na composição drive thru de vacinação, localizada no Sambódromo.
 
A ação foi executada em coordenação com o Comando Conjunto Leste e conta com uma estrutura operacional que envolve também o apoio logístico, de segurança e administrativo. Foram necessárias a capacitação e habilitação de militares para o acesso à plataforma de inclusão do registro da dose da vacina administrada no SI-PNI (Sistema de Informações do Programa Nacional de Imunização). Assim, se o cidadão vacinado com a primeira dose perder o cartão de vacinação, poderá tomar a segunda dose em qualquer outro posto, devido à possibilidade de identificação online.
O Comandante de Operações Navais, o Comandante do Comando Conjunto Leste, o Comandante do Comando Aéreo Leste e o Superintendente de Vigilância em Saúde da Prefeitura Municipal do Rio de Janeiro, além do Comandante do 1º Distrito Naval, estiveram presentes na ativação do posto de vacinação, percorreram as áreas de triagem, cadastramento e acompanharam a vacinação na população. Após o percurso, esclareceram informações importantes sobre o processo de vacinação e de atuação das Forças Armadas no combate à pandemia do novo coronavírus, por meio de uma coletiva de imprensa.
 
mb 43
A população deverá acompanhar o calendário oficial de vacinação
estabelecido pela Prefeitura Municipal do Rio de Janeiro
 
O apoio à vacinação no Rio de Janeiro é mais uma atividade da Marinha no enfrentamento à Covid-19, que segue as diretrizes estabelecidas pelo Ministério da Defesa, em março de 2020, e já realizou diversas ações, como: confecção de respiradores de baixo custo e de máscaras e protetores faciais; campanhas de doação de gêneros alimentícios, para minimizar os impactos financeiros e sociais causados pela pandemia; transporte de tanques com capacidade de 90 mil m³ de oxigênio líquido na Região Norte; campanhas de doação de sangue; desinfecção de instalações de interesse público e operações com a finalidade de reforçar as medidas preventivas à disseminação da Covid-19, entre outras.